Corinthians empata na prorrogação e leva a LPF pela quarta vez

Corinthians empata na prorrogação e leva a LPF pela quarta vez

Nesta quinta-feira (6), o Corinthians/UNIP confirmou o seu quarto título da Liga Paulista de Futsal. O Alvinegro recebeu o Magnus Futsal no Ginásio Wlamir Marques e, após ser derrotado no tempo normal por 5 a 3, o empatou com a equipe de Falcão por 0 x 0 na prorrogação e confirmou a conquista, garantindo a festa da Fiel, que lotou o Parque São Jorge. 

O Jogo

O Timão do técnico André Bié começou a partida com Obina (gol), Nenê (fixo), Henrique e Caio (alas) e Douglas Nunes (Pivô). À disposição, estavam Barack, Matheus, Murilo, Deives, Antoniazzi, Wilde, Vander Carioca, Daniel, Gleidson e Renatinho.

Com clima de decisão, a partida começou com as duas equipes buscando o ataque a todo tempo. No entanto, com apenas dois minutos de bola rolando, o árbitro Emerson Fernandes se lesionou em um lance com o pivô Douglas Nunes e acabou tendo que abandonar a partida. Em decorrência da lesão do juiz, a partida acabou sendo retomada somente uma hora depois, com a chegada de um suplente. 

Com o jogo reiniciado, o Magnus acabou saindo na frente com um gol de cabeça. Poucos segundos depois, Caio recebeu de Douglas Nunes e encheu o pé para empatar o marcador. Precisando correr atrás do marcador, por conta da vantagem alvinegra conquistada no primeiro jogo em Sorocaba, a equipe visitante anotou mais dois. O Coringão ainda criou duas boas oportunidades com Renatinho e Caio, porém os times foram ao vestiário com o placar de 4 x 1. 

Na volta do intervalo, o ritmo seguiu tenso e o jogo ficou travado. Aos 10 minutos, os sorocabanos ampliaram a diferença. Dois minutos depois, o treinador André Bié apostou em Renatinho como goleiro-linha para reverter o placar. Aos 13 minutos, Vander Carioca aproveitou a confusão na área e empurrou para dentro para diminuir a diferença. 

Com a aposta de Bié funcionando, Wilde anotou o terceiro faltando dois minutos para término da partida, porém não houve tempo para empatar o marcador. Com o placar de 5 x 3, a decisão foi para a prorrogação. 

Tempo Extra

Com o placar zerado, os times voltaram à quadra para mais dois tempos de cinco minutos. Com a vantagem do empate, o Corinthians soube jogar com o regulamento a seu favor e segurou o Magnus na primeira etapa. As melhores oportunidades saíram dos pés do camisa 9, Douglas Nunes, que aos dois minutos arrancou do meio de campo e chutou para bela defesa do goleiro adversário, e de Daniel, que recebeu em profundidade e chutou para outra boa defesa do goleiro do Magnus faltando apenas 5 segundos para o intervalo.

Na etapa final, o jogo foi lá e cá. Logo nos primeiros segundos, os visitantes apostaram em Falcão como goleiro-linha para buscar a vitória, no entanto, foi o goleiro alvinegro Obina que quase inaugurou o marcador com um chute de cobertura de sua própria área. 

Faltando apenas três minutos para o término do jogo, a equipe de Sorocaba estourou o limite de faltas e  o Corinthians teve um tiro livre para bater. Murilo foi para a bola, porém acabou desperdiçando a cobrança. 

Com o empate por 0 x 0, o Corinthians garantiu o quarto título da Liga Paulista de Futsal e ergueu sua segunda taça na temporada 2018. 

Fonte: Agência Corinthians | Foto: Myuki Lima
.




Liga Paulista de Futsal

Rua Beneficência Portuguesa, 24 / 1º andar - CEP: 01033-020

São Paulo (SP)

E-mail: contato@ligapaulistadefutsal.com.br

Fone: (11) 3313-5132